Ciências Contábeis

CIÊNCIAS CONTÁBEIS

Quem pode se inscrever nos cursos de Graduação?

Idade mínima para fazer o curso: 18 anos.

Escolaridade mínima para fazer o curso: Ensino Médio completo ou estar cursando o Ensino Médio com previsão de conclusão concomitante ao curso graduação.

Quais os documentos necessários para a matrícula?

Fotocópias do certificado de conclusão de ensino médio se já concluído ou declaração de devidamente matriculado no ensino médio caso cursando, ou certificado curso equivalente.

Fotocópias do Histórico Escolar do Ensino Médio.

Fotocópias do CPF.

Fotocópias da Carteira de Identidade.

Foto 3×4 (recente); ou tirar foto na webcam da instituição.

Fotocópias do comprovante de residência.

Fotocópias da carteira de vacinação.

Contrato de prestação de serviço educacional fornecido pela Instituição, devidamente preenchido e assinado pela instituição e pelo aluno, se o aluno for menor de 18 anos pelo responsável.

Habilitação?

Bacharel em Ciências Contábeis.

Eixo tecnológico?

Ciências Humanas e Sociais.

Atributos do Profissional?

Relacionamento interpessoal, Competência técnica, Capacidade para resolução de problemas, Prudência, Justiça, Fortaleza e Temperança.

Curso de Ciências Contábeis  

O curso de Graduação em Ciências Contábeis tem como objetivo formar profissionais dotados de competências e habilidades para a tomada de decisão, no âmbito de sua responsabilidade em empresas e escritórios de contabilidade. Duração média do curso: 4 anos – 8 semestres

O que o Contador faz?

A sociedade requer profissionais de Contabilidade capazes de responder as nuances de um ambiente de negócios em constante transformação, não só para atender as empresas, no que tange às suas demandas específicas de registros fiscais e ações de planejamento e controle, mas que também sejam capazes de contribuir para o desenvolvimento do conhecimento científico. O contador é o profissional responsável por cuidar do patrimônio das pessoas (físicas e jurídicas; públicas e privadas). O contador registra o que entra e o que sai do caixa; as contas a pagar, receber; os financiamentos, os investimentos. O contador deve saber de tudo o que acontece na empresa quando o assunto é dinheiro, é patrimônio. Ele deve controlar todas as transações financeiras, econômicas e patrimoniais. Com base nesses dados, o contador elabora relatórios, demonstrações. Algumas demonstrações são obrigatórias e devem ser elaboradas  mensal e outras anualmente. Outras demonstrações podem e são criadas pelo contador de acordo com as necessidades das empresas, dos gestores. São as chamadas demonstrações gerenciais. Essas demonstrações tem a finalidade de auxiliar e de embasar o processo decisório.

O Contador suas áreas de atuação?

O curso de Ciências Contábeis visa a formação de profissionais providos de um cabedal de conhecimentos que os capacitem para uma efetiva atuação em um ambiente econômico globalizado, se constituindo nos profissionais facilitadores dos negócios empresariais, exercendo como principais competências.

  • Executar com eficiência e eficácia o trato do patrimônio aziendal, quer na área pública ou particular;
  • Evidenciar as informações quantitativas e qualitativas quanto à saúde econômica e financeira da empresa, bem como de sua análise;
  • Planejar, executar e controlar o orçamento, tanto no exercício de atividade na área pública quanto no exercício de atividade na área privada;
  • Realizar auditoria interna e independente, perícia contábil, assessoria e consultoria nas áreas pública e privada.

Por que ser um Contador?

A profissão contábil é uma das mais antigas do mundo. Ser contador é ser ativo, ser atuante, ser estudioso. Ser contador é ser conselheiro, gerente. Ser contador é ser proativo!

Existe algum processo seletivo para ingressar nos cursos de graduação?

Sim, Prova de vestibular com seleção através de sua pontuação após a aprovação é só matricular e iniciar o curso.

Qual a média salarial?

A média salarial do profissional Contabilista está entre R$ 3.617,00 e R$ 11.000.00 Informações salariais: Catho Online

Carga Horária total do curso

O curso tem carga horária de 3660 hora/aula, teóricas e práticas na própria instituição de ensino e estágios obrigatórios.

Duração do curso

Duração média do curso: 4 anos – é dividido em 8 semestres

Qual o horário dos cursos oferecidos?

Períodos do curso

Aulas de segunda-feira a sexta-feira

Noturno das 19h às 22:30 h

Qual o valor da matrícula?

Não será cobrado taxa de matrícula, fica definido que a primeira mensalidade será paga no momento da matrícula para efetivação do contrato.

Quem são os docentes da Instituição

Nosso corpo docente e formado de profissionais com formação superior e especialização e atuação na área, contamos com Mestres e Doutores, e os professores contratados por disciplinas, levando em consideração que a principal atividade profissional sua experiência profissional e acadêmica em diversos níveis de ensino superior.

Quanto ao estágio?

Estágio O estágio supervisionado não se confunde com o chamado “primeiro emprego”. O estágio supervisionado é antes de tudo, uma atividade curricular da escola, um ato educativo assumido intencionalmente pela escola, de propiciar uma integração dos estudantes com a realidade do mundo do trabalho. Na realidade, o estágio supervisionado propicia ao aluno a oportunidade de qualificação prática, pela experiência no exercício profissional ou social, acompanhado e supervisionado profissionalmente, o que o torna uma atividade facilitadora da obtenção de um trabalho, na maior parte das vezes, do “primeiro emprego”.

O estágio supervisionado normalmente acaba se tornando um excelente trampolim para a obtenção de um emprego. Quando bem trabalhado pela escola, em sala de aula, o estágio supervisionado pode, ainda, proporcionar melhor aproveitamento e desempenho escolar.

Outro benefício a ser garantido pela atividade de estágio, para o aluno, é a da identificação mais clara das opções para a escolha profissional e para a organização de seu perfil de profissionalização.

Definição de Estágio curricular obrigatório – O estágio obrigatório é uma atividade curricular desenvolvida pelo estudante, de caráter obrigatório que visa proporcionar a complementação do ensino e da aprendizagem, em termos de treinamento prático, de aperfeiçoamento técnico, científico e de relacionamento humano. O estágio supervisionado obrigatório é contemplado pelas disciplinas Estágio Supervisionado I, Estágio Supervisionado II os estudantes deveram cumprir a carga horária das duas disciplinas de que será um total de 300 horas em uma empresa, escritório contábil, profissional liberal conveniados com a Instituição de Ensino.

Avaliação do Estágio – As avaliações são formalizadas por quem contratam os estagiários adquirindo conhecimento prático em vários segmentos dos estágios que são disponíveis, O Contador responsável na Empresa estará assinando os termos de contrato de estágio obrigatório e supervisionando o estágio juntamente com o professor da disciplina que estará orientando o mesmo na execução do trabalho final.

Qual é a nota mínima para aprovação?

Avaliação: O professor avaliará o aluno através de provas, trabalho, frequência e desenvolvimento das habilidades nas aulas práticas e estágios. Todas as avaliações são por disciplinas individuais, tendo que atingir média da nota 7,0 e frequência acima de 75% nas aulas. A segunda chamada de prova e avaliação tem um custo, deve ser requerida na secretaria, e a instituição disponibiliza de um calendário acadêmico com as datas disponíveis para aplica-las.

Colação de Grau?

Para a conclusão do curso é obrigatório a participação do aluno, a Faculdade Andreotti realiza a cada semestre a cerimônia de Colação de Grau dos concluintes dos Cursos Graduação, data está definida pela instituição com programação no calendário acadêmico. É um momento de concretização de sonhos e início de novas etapas, por isso a importância. Os procedimentos são os padrões de uma Colação de Grau, onde todos os formandos, de beca, assinarão a ata, receberão um certificado de conclusão, após a colação de grau deverão fazer a solicitação na Central de Atendimento ao Aluno para emissão de seu diploma.

O curso é autorizado pelo MEC?

O Curso de Ciências Contábeis é reconhecido pela portaria ministerial Portaria MEC 888, de 19/10/2007

O que se aprende no curso de Ciências Contábeis?

Cálculo Aplicado à Ciências Contábeis – Revisão. Funções. Funções usuais/Equações. Limites. Derivadas. Integrais.

Informática Básica – O Computador: origem e funcionamento, componentes básicos. Tecnologia. Hardware: processadores, memória, dispositivo E/S, rede de computadores. Sistemas distribuídos. Software: categorias. Sistemas operacionais, linguagens de aplicação. Planilha. Hiper – texto. Multimídia.

Metodologia da Pesquisa – Ciência e Conhecimento científico. Métodos Científicos. Neutralidade Científica. Processo de Leitura e Leitura Informativa. Projeto de Pesquisa. Transmissão de Conhecimento. Normas a ABNT. Redação. Técnicas Especiais de coleta de dados. Apresentação do Trabalho Científico.

Português Instrumental – O léxico. A frase. O período. A pontuação. Coordenação do Pensamento. Ligação Lógica das idéias no texto. Redação: de parágrafo de projeto, de relatórios gerenciais. Redação oficial. Técnicas de resumo. Interpretação.

Teoria da Contabilidade – Fundamento científico da contabilidade. Noções preliminares: campo de atuação da contabilidade. Finalidade das informações contábeis. Planificação e estruturação contábil. Ativo, Passivo e Patrimônio Líquido. Procedimentos contábeis básicos. Aspectos contábeis legais e societários. Problemas contábeis diversos. Princípios e convenções.

Administração Geral – Introdução à teoria geral da administração: Administração e suas perspectivas. Primórdios da Administração: antecedentes históricos da administração. Abordagem clássica da Administração. Abordagem humanística da administração. Abordagem neoclássica da administração.

Contabilidade Geral I – Noções preliminares. Estática patrimonial. Procedimentos contábeis básicos, segundo o método das Partidas dobradas. As variações do Patrimônio Líquido. Fatores Contábeis. Operações com Mercadorias e produtos.

Economia – Introdução à Economia Geral. Conceitos de Economia. História do Pensamento Econômico. Introdução a atividades econômicas e aos problemas atuais. Formação de preços e a orientação das atividades econômicas. Macro e Microeconomia. Fundamentos da análise macroeconômica. Problemas macroeconômicos. Modelos macroeconômicos. Teoria da firma. Demanda. Oferta. Determinantes da demanda e da oferta agregada. Moeda. Juros e renda. Relações com o exterior. O problema da incerteza e o equilíbrio geral. Política econômica. Ciclos econômicos. Ocupação econômica. Políticas e estratégias de desenvolvimento da estrutura do PIB. Distribuição espacial do PIB.

Informática Aplicada à Contabilidade – Conhecimento de equipamento e programas necessários ao assessoramento do desempenho gerencial; formas de integração da informática com as diversas áreas gerenciais; identificação e utilização da microinformática nas diversas atividades da empresa.

Noções de Direito – Identificar ao aluno os conceitos, fontes e ramos do direito público e privado. Explicar os fundamentos básicos da organização e administração do Estado no seu mais amplo sentido, assim como auxiliar na interpretação das normas jurídicas que possam afetar direta ou indiretamente a operacionalização das organizações.

Contabilidade Geral II – O Balanço Patrimonial. Ativo Imobilizado e o problema da Depreciação, Amortização e Exaustão. Demonstração das Origens e Aplicações de Recursos. Demonstrativo do Resultado do Exercício e Demonstrativo de Lucros ou Prejuízos Acumulados.

Contabilidade Tributária – Introdução, conceito, princípios e normas básicas, Legislação. Contabilidade Tributária Aplicada, Planejamento fiscal e tributário, Coordenação de créditos e débitos de impostos, gerenciamento de impostos, incidentes as operações mercantis, industriais e serviços realizados pelas empresas.

Estatística I – Campus de aplicação da Estatística. Variáveis. Variáveis contínuas e discretas. Estatísticas descritiva e indutiva. Distribuição de frequência. Medidas de dispersão. Teoria da probabilidade.

Legislação Tributária – Objetiva conhecer os principais efeitos do Sistema Nacional Tributário e as Leis Complementares, incidências tributárias sobre pessoas físicas e pessoas jurídicas; Noções gerais do Direito; o Direito Financeiro e o Direito Tributário; A Receita Tributária, Impostos, Taxas e Contribuições de Melhoria; A Obrigação Tributária: sujeitos ativos e passivos; O Crédito Tributário; Suspensão, exclusão e extinção; Garantias do Crédito Tributário; Noções sobre impostos: comércio exterior, produção, circulação e renda.

Matemática Financeira – Conceitos e introdução à Matemática Financeira. Juros Simples e Juros Compostos. Aplicação da Taxa Efetiva. Operação com mercadorias. Equivalência da capitalização composta. Aplicação da taxa efetiva. Fluxo de Caixa. Rendas. Taxa Equivalente. Amortizações. (tabela Price). Investimentos. Noções de Valor presente e valor futuro.

Contabilidade Agrícola – Contabilidade Agrícola. Vantagens de escrituração contábil. Empresa Rural. Escrituração Contábil das empresas agrícolas. Orçamentos agrícolas. Custos da Produção agrícola. Resultado das explorações agrícolas. Contabilidade de Sociedades cooperativas.

Contabilidade Comercial – Irregularidades constatadas nas Demonstrações contábeis conforme N.B.C., capital e Patrimônio Constituição de Empresa. Prêmios de Seguros, I.C.M.S., P.I.S., FINSOCIAL, Consorcio e Leasing.Reavaliação do Ativo.

Estatística II – Esperança Matemática; Distribuição Continua das Probabilidades; Teoria da Amostragem e Teoria da Estimação; Teoria da Decisão Estatística; Teste do Qui-Quadrado; Ajustamento e analise de series temporais; Regressão e correlação Linear.

Legislação Trabalhista – Origem e evolução do Ordenamento Jurídico do Trabalho. Contrato de Trabalho. Documentos Básicos para a admissão e contratos de trabalho. Registro de trabalho, cálculo de férias, abonos e outros benefícios. Relações coletivas no trabalho e organização judiciária. A previdência social: papel e funções. Auditoria trabalhista. O sindicalismo no Brasil, segurança e medicina no trabalho.

Organização, Sistemas e Métodos – Organização e métodos: Conceito e objetivos. Fases de processo de organização e reorganização: Levantamento e análise, planejamento, implantação e controle dos resultados. Representação gráfica. Gráficos de organização: Fluxograma, harmonograma, organograma e funciono grama. Estrutura do projeto empresarial Técnicos, econômicos e financeiros. Estudos prévios para constituição de empresas. Elaboração de projetos de empresas comerciais.

Administração Financeira e Orçamentária – Função financeira na empresa. A fórmula da boa administração. Arvores de decisões. Finanças e sua Abrangência. Característica da administração financeira na inflação. Analise de investimento. Providências financeiras nas retrações de créditos. Administração de Ativos correntes. Fontes de financiamentos.

Análise das Demonstrações Contábeis I – Análise comparativa dos balanços: em percentual, em moeda constante e em números índices. Conceito, definição e interpretação dos principais índices que identificam a situação econômica/financeira e patrimonial da entidade. Análise das demonstrações financeiras.

Contabilidade Avançada – Concentração e extinção de sociedades: Definição; cisão: parcial e total, compensação de prejuízos fiscais, dissolução, liquidação e extinção. Fusão, incorporação, participação extinta, processo de reorganização. Equivalência Patrimonial.

Economia Brasileira – O Brasil e a economia global. A Política monetária no Brasil. A inflação brasileira. Os investimentos no mercado financeiro brasileiro. Evolução da economia local e brasileira.

Legislação Comercial e Societária – Comercio/Empresa. Sociedades Comerciais. Falências e Concordatas. Direitos das Obrigações. Contratos Mercantis. Títulos de Crédito. Legislação Comercial.

Análise das Demonstrações Contábeis II – Análise comparativa dos balanços patrimoniais em valores relativos. Analise dos Balanços Patrimoniais por coeficientes. Analise da Liquidez. Margem de garantia. Grau das Imobilizações. Analise dos Estoques. Analise dos Valores a receber. Analise do Balanço de Resultados.

Contabilidade de Custos – Generalidades. Os sistemas de apuração de custos. O mapa de localização de custos. O preenchimento do mapa de localização de custos. O custo primário, os rateios e o custo secundário. A estrutura básica dos custos dos produtos. A apropriação dos custos operacionais e administrativos. Apropriação dos custos dos materiais diretos. Os custos unitários dos centros de custos. O levantamento dos custos técnicos. Os custos diretos com vendas. O preço de Venda.

Contabilidade Gerencial I – Conceito. Distinção com a Contabilidade Geral. Instrumento eficiente da Administração. Controles. Fatores para um bom controle. O controle como meio de Administração eficiente. A estrutura financeira da empresa. Equilíbrio entre solvência Técnica e Rentabilidade. O ciclo do Ativo Circulante. A empresa vista como um investimento. Taxa de retorno como medida de rentabilidade. Capital de Giro. Determinação da  necessidade. Apreciação em termos estáticos e dinâmicos. A relação Preço-custo-volume.

Contabilidade Pública – Conceito e divisão da Contabilidade Pública. Orçamento público: conceito, princípios e técnica orçamentária. Estudo da receita pública e da despesa pública: Lei nº 4.320/64. O patrimônio público: estudo qualitativo e quantitativo. Teoria de Contabilidade Pública

Prática de elaboração de orçamento público; plano de contas; prática de escrituração em contabilidade pública. Balanço e prestações de contas.

Controladoria – Princípios. Controles Internos. Excelência empresarial, Controle na qualidade e na produção de serviços, Considerações ACCOUNTABILITY: Conceito, Relatórios, características, processos para esquematização do sistema de relatórios gerenciais.

Arbitragem e Perícia Contábil – Introdução ao estudo da prova contábil. A Perícia Contábil. Conceito, Tipos e Finalidades. O Perito Judicial Contábil. Técnica de trabalho pericial. Quesitos. O Laudo Pericial. A Perícia Judicial Contábil Aplicada.

Auditoria Contábil – Introdução e conceitos básicos de auditoria.Controle interno e Auditoria Interna. Auditoria Independente. Papeis de trabalho. Planejamento do trabalho de Auditoria. Demonstrações financeiras a serem auditadas. Exercícios práticos. Revisão analítica. Parecer. Relatório. Comentário. Recrutamento, seleção, treinamento e avaliação de Auditores. Exercícios Práticos.

Contabilidade Gerencial II – O orçamento geral. Características e tipos de orçamentos. Modelos e simulação de planejamento. Orçamentos flexíveis e padrões de controle. Contabilidade para fins gerenciais. Custos para Planejamento: Custo, Volume e Lucro P. E. Custos e Despesas Fixas e Varáveis, Margem de Segurança, Alavancagem Operacional. Custo para Decisão. Orçamentos Flexíveis e custeio variável. Preço de transferência e centro de Lucro. Implantação de um sistema de Custo.

Empreendedorismo em Contabilidade – Desenvolvimento da capacidade empreendedora na área de contabilidade, com ênfase no estudo do perfil do empreendedor, nas técnicas de identificação e aproveitamento de oportunidades, na aquisição e gerenciamento dos recursos necessários ao negócio, fazendo uso de metodologias que priorizam técnicas de criatividade e da aprendizagem pró-ativa. Marketing de serviços em contabilidade.

Estágio Supervisionado I – É um período de estudos práticos (pré-profissional), exigidos dos estudantes do Ensino Superior. Um período que associa aprendizado e experiência e que é revisto, corrigido e cuidadosamente examinado pela Instituição de Ensino Superior à qual o aluno está vinculado. Envolve uma pesquisa teórica e prática desenvolvida em uma empresa da escolha do acadêmico, onde será possível aprender todas as funções existentes na área, onde será levantado, dado do ambiente em que atuará profissionalmente, possibilitando contato direto com os problemas da área e com a realidade da profissão escolhida. Em seguida será realizado um relatório de como são desenvolvidos os trabalhos atualmente, e ao mesmo tempo avaliando seu desempenho dentro da referida empresa. Ao final do período o acadêmico deverá realizar um relatório denominado Projeto I com o desenvolvimento de uma fundamentação teórica com a definição dos Objetivos Gerais e Específicos, Justificativa e metodologia, bem como o diagnóstico da empresa com sua visão, missão e estrutura organizacional, aliado ao tema que você escolheu.

Sistemas de Informação – Conceito de sistemas de informação: operacional; gerencial; e de apoio a decisão. Estudo dos sistemas de escrituração contábil e da organização dos serviços relacionados a contabilidade.

Atividade Acadêmica Complementar – As atividades a serem desenvolvidas extra curriculares, deverão ser  efetuadas em cursos, palestras, desenvolvimento de trabalhos científicos, e demais que geram certificados ligados ao curso hora em desenvolvimento pelo acadêmico,  os quais deverão completar as 160 H em atividades acadêmicas curriculares.

Consultoria Em Contabilidade – O Perfil do Consultor. Consultoria Autônoma. Empresas de Consultoria (Estrutura, Custos, Formas de Constituição). Conceito de “Produto” em consultoria. O Ambiente de trabalho. Como vender serviços de consultoria. Por que e como contratar serviços de consultoria. Gerenciamento dos serviços. Diagnósticos e Relatórios. Qualidade e Reciclagem profissional.

Contabilidade das Instituições Financeiras – Aspectos relacionados com a constituição do Sistema Financeiro Nacional. Lei nº 4.595 de 13/12/64, bem como as instituições que atuam no mercado de capitais. Lei nº 4.728 de 14/07/63. Contabilização das operações das instituições financeiras, dentro das normas patrimonizadas pelo Banco Central do Brasil.

Estágio Supervisionado II – Realização de trabalhos práticos na área de contabilidade aplicada em setor publica ou privado, sob a supervisão de professores previamente designados para a  orientação  no seu desenvolvimento.Este trabalho de conclusão de curso poderá ou não basear-se nas expectativas encontradas no desenvolvimento do Projeto I (Estágio), o qual deverá ser embasado pelo levantamento bibliográfico adequado ao tema escolhido, ajustado às necessidades da empresa ora estagiada. Ocorrendo ao final deste período a apresentação do mesmo perante uma banca julgadora, a qual lhe dará, na oportunidade o parecer favorável ou não de sua aprovação do período em curso.

Ética Geral e Profissional – Código de ética do contador. Regulamentação da Profissão. Relações do Contador com instituições, outros profissionais e clientes. Sigilo profissional. Ética na propaganda em honorários. Problemas éticos em geral.

Planejamento Tributário – Análise crítica dos impostos, taxas e contribuições incidentes sobre diferentes tipos de empresas. Incentivos fiscais nacionais e regionais. Crimes de sonegação fiscal. Formulação de defesas fiscais.

Tópicos Avançados em Contabilidade (Disciplina optativa) – Com intuito de proporcionar aos acadêmicos o conhecimento dos princípios que reagem os Sistemas de Suporte à Decisão, consideramos que a perspectiva mercadológica possa servir como gestão de informações destinadas aos objetivos estratégicos, táticos e operacionais das organizações. Dentro desta perspectiva, a abordagem dos temas atuais e complexos que afetam área contábil, e dessa forma procura identificar no futuro as causas e efeitos de decisões tomadas anteriormente.

Grade Curricular detalhada?

Primeiro Semestre I –

  • CÁLCULO APLICADO ÀS CIÊNCIAS CONTÁBEIS -80 H
  • INFORMÁTICA BÁSICA – 80 H
  • METODOLOGIA DA PESQUISA – 80 H
  • PORTUGUÊS INSTRUMENTAL – 80 H
  • TEORIA DA CONTABILIDADE – 80 H

Segundo Semestre II –

  • ADMINISTRAÇÃO GERAL – 80 H
  • CONTABILIDADE GERAL I – 80 H
  • ECONOMIA – 80 H
  • INFORMÁTICA APLICADA À CONTABILIDADE – 80 H
  • NOÇÕES DE DIREITO – 80 H

Terceiro Semestre III –

  • CONTABILIDADE GERAL II – 80 H
  • CONTABILIDADE TRIBUTÁRIA – 80 H
  • ESTATÍSTICA I – 80 H
  • LEGISLAÇÃO TRIBUTÁRIA – 80 H
  • MATEMÁTICA FINANCEIRA – 80 H

Quarto Semestre IV –

  • CONTABILIDADE AGRÍCOLA – 80 H
  • CONTABILIDADE COMERCIAL – 80 H
  • ESTATÍSTICA II – 80 H
  • LEGISLAÇÃO TRABALHISTA – 80 H
  • ORGANIZAÇÃO, SISTEMAS E MÉTODOS – 80 H

Quinto Semestre  V –

  • ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA – 80 H
  • ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS I – 80 H
  • CONTABILIDADE AVANÇADA – 80 H
  • ECONOMIA BRASILEIRA – 80 H
  • LEGISLAÇÃO COMERCIAL E SOCIETÁRIA – 80 H

Sexto Semestre VI –

  • ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS II – 80 H
  • CONTABILIDADE DE CUSTOS – 80 H
  • CONTABILIDADE GERENCIAL I – 80 H
  • CONTABILIDADE PÚBLICA – 80 H
  • CONTROLADORIA – 80 H

Sétimo Semestre VII –

  • ARBITRAGEM E PERÍCIA CONTÁBIL – 80 H
  • AUDITORIA CONTÁBIL – 80 H
  • CONTABILIDADE GERENCIAL II – 80 H
  • EMPREENDEDORISMO EM CONTABILIDADE – 80 H
  • ESTÁGIO SUPERVISIONADO I – 150 H
  • SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – 80 H

Oitavo Semestre VIII –

  • ATIVIDADE ACADÊMICA COMPLEMENTAR – 160 H
  • CONSULTORIA EM CONTABILIDADE – 80 H
  • CONTABILIDADE DAS INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS – 80 H
  • ESTÁGIO SUPERVISIONADO II – 150 H
  • ÉTICA GERAL E PROFISSIONAL – 80 H
  • PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO – 80 H
  • TÓPICOS AVANÇADOS EM CONTABILIDADE (DISCIPLINA OPTATIVA) – 80 H

Qual o conselho de classe da categoria?

Conselho Regional de Contabilidade do Paraná (CFC-PR) –  www.crcpr.org.br 

Conselho Federal de Contabilidade (CFC) –  http://www.cfc.org.br

Como cadastrar e filiar-se junto ao conselho de classe ao final do curso Ciências Contábeis?

Será necessário prestar o Exame de Suficiência, que habilita o profissional a exercer a profissão de Contador, a relação de Documentos para inscrição no CFC – Conselho Federal de Contabilidade Diploma ou Certificado:

CPF e RG (caso não possua RG, também será aceito a Carteira de Motorista ou Carteira de Trabalho);

Título de Eleitor e comprovante da última votação eleitoral e/ou Certidão de quitação eleitoral emitida pela Justiça Eleitoral (podendo ser retirada via internet – http://www.tse.jus.br);

Certificado de Reservista (para os homens acima de 18 anos até os 45 anos);

2 (duas) fotos 3/4 (padrão para documento oficial, recente, colorida, sem data e com fundo branco);

Comprovante de Residência, preferencialmente em nome do profissional, emitido nos últimos seis meses.