Geografia

Habilitação?

Licenciatura em Geografia.

Eixo tecnológico?

Educação.

Atributos do Profissional?

O profissional deverá ter perfil para a pesquisa acadêmica e para o ensino de conhecimentos específicos na área de Geografia. Para tanto, fornece o instrumental teórico e prático necessário à realização de pesquisas de cunho científico, informando sobre os diversos métodos de pesquisa existentes, preparando para o trabalho com os diferentes instrumentos de coleta e organização de dados, notadamente os cartográficos, que incluem a leitura e confecção de cartas temáticas, a interpretação de fotografias aéreas e imagens de satélites. Prepara o profissional, também, para o desenvolvimento de pesquisas de campo, levantamentos e elaboração de diagnósticos, e relatórios de pesquisa, tanto em órgãos do setor público como em instituições privadas e organizações da sociedade civil.

O Geógrafo como características profissionais deve ter uma boa memória, capacidade de análise e sensibilidade para interpretar aspectos econômicos, físicos, humanos e sociais, buscando relações entre estes aspectos para melhor compreender a realidade.

Curso de Geografia                   

O curso de Geografia tem por objetivos formar professores licenciados para o exercício do magistério no ensino fundamental e médio, bem como formar geógrafos para atuarem nas áreas de planejamento e gestão do território e na pesquisa geográfica. Duração média do curso: 3,¹/2 anos – 7 semestres.

O que o geógrafo faz?

Os profissionais formados devem ser capazes de realizar levantamentos, proceder à análise, à representação, à prospecção dos problemas geográficos, propor soluções, acompanhar e participar do aprimoramento das abordagens científicas relacionadas ao processo de produção e aplicação do conhecimento geográfico, planejamento urbano, criação de projetos de prevenção do impacto ambiental e prevenção do meio ambiente, elaboração de mapas e cartas geográficas, na Habilitação de Licenciatura estará se aprendendo a didática em sala de aula no ensino fundamental e médio.

O Geógrafo suas áreas de atuação?

Para o profissional habilitado em Geografia, o mercado de trabalho abrange as escolas públicas e particulares, órgãos da administração pública e empresas estatais.
O geoprocessamento, que é a análise do território pelo computador, e a geografia ambiental são campos de trabalho em intenso crescimento.

O curso de Geografia também forma profissionais para atuar em nas áreas do ensino e da pesquisa, planejamento e gestão do território. Cada habilitação apresenta as especificidades inerentes a essas duas áreas, ou seja: a formação de professores competentes e conscientes, capazes de proporcionar sólidos conhecimentos geográficos aos alunos; e a formação de geógrafos munidos de um arsenal técnico e científico, capazes de atuar adequadamente na pesquisa e na administração dos problemas de ordem geográfica.

Por que ser um Geógrafo?

Com as novas Diretrizes Curriculares, fica claro o reconhecimento da profissão de professor. Os professores/educadores devem ser instrumentalizados para a prática pedagógica, fazendo-se necessário a inclusão no currículo de disciplinas com cunho didático pedagógico para formar professores com capacidade de lerem as novas realidades sócio especiais e inserir seus alunos no mundo globalizado, formando cidadãos críticos, conscientes e participativos na construção de uma sociedade mais justa.

Carga Horária total do curso

O curso tem carga horária de 3340 hora/aula, teóricas e práticas na própria instituição de ensino e estágios obrigatórios.

Duração do curso

Duração média do curso: 3¹/2  anos – é dividido em 7 semestres

Períodos do curso

Aulas de segunda-feira a sexta-feira

Noturno das 19h às 22:30 h

Quanto ao estágio?

Estágio O estágio supervisionado não se confunde com o chamado “primeiro emprego”. O estágio supervisionado é antes de tudo, uma atividade curricular da escola, um ato educativo assumido intencionalmente pela escola, de propiciar uma integração dos estudantes com a realidade do mundo do trabalho. Na realidade, o estágio supervisionado propicia ao aluno a oportunidade de qualificação prática, pela experiência no exercício profissional ou social, acompanhado e supervisionado profissionalmente, o que o torna uma atividade facilitadora da obtenção de um trabalho, na maior parte das vezes, do “primeiro emprego”.

O estágio supervisionado normalmente acaba se tornando um excelente trampolim para a obtenção de um emprego. Quando bem trabalhado pela escola, em sala de aula, o estágio supervisionado pode, ainda, proporcionar melhor aproveitamento e desempenho escolar.

Outro benefício a ser garantido pela atividade de estágio, para o aluno, é a da identificação mais clara das opções para a escolha profissional e para a organização de seu perfil de profissionalização.

Definição de Estágio curricular obrigatório – O estágio obrigatório é uma atividade curricular desenvolvida pelo estudante, de caráter obrigatório que visa proporcionar a complementação do ensino e da aprendizagem, em termos de treinamento prático, de aperfeiçoamento técnico, científico e de relacionamento humano. O aluno inicia o estágio curricular obrigatório da habilitação de Licenciatura em Geografia  no quarto semestre, em colégios da rede particular e/ou estadual.

Avaliação do Estágio obrigatório – As avaliações são formalizadas pelos colégios e escolas conveniadas supervisores pedagógicos que estarem em contato direto com os futuros professores alunos da instituição para assim os mesmo adquirir experiência didática e prática em sala de aula  preparando assim para o mercado de trabalho.

Qual é a nota mínima para aprovação?

Avaliação: O professor avaliará o aluno através de provas, trabalho, frequência e desenvolvimento das habilidades nas aulas práticas e estágios. Todas as avaliações são por disciplinas individuais, tendo que atingir média da nota 7,0 e frequência acima de 75% nas aulas. A segunda chamada de prova e avaliação tem um custo, deve ser requerida na secretaria, e a instituição disponibiliza de um calendário acadêmico com as datas disponíveis para aplica-las.

O curso é autorizado pelo MEC?

O Curso de Geografia é Autorizado pela portaria ministerial do MEC, nº 769, de 23/3/2006.

O que se aprende no curso de geografia?

Cartografia Geral I – Fundamentos e Aplicação – História da Cartografia, coordenadas geográficas. Fusos horários, cartas magnéticas, convenções e projeções cartográficas. Topologia e interpretação de cartas. Noções de Geodésica elementar. Confecções e reprodução de mapas. Mapas especiais e científicos. Teorização cartográfica e semiologia: as variáveis visuais.

Geologia Geral e Ambiental – Introdução a Ciências Geológicas. Constituição da crosta terrestre. Mineralogia; propriedade física, química e morfologia dos minerais; Pedologia: origem e classificação dos solos, prática de campo. Prospecção e exploração mineral e as principais consequências. Impactos em ambientes Geológicos. Conceitos básicos sobre direito ambiental. Exploração de recursos naturais e seus efeitos. Situação da política ambiental brasileira.

Iniciação aos Estudos Geográficos – Origem, objeto, princípios e conceitos da Geografia humana e da Geografia Física. Relação homem natureza e relação espaço-tempo. Ambiente Físico e o homem. Processos de desenvolvimento da natureza e os Geossistemas.

Sociologia Geral – Conceituação geral da Sociologia. Estudo das teorias sociológicas que fundamentam a realidade sociocultural da sociedade moderna em expansão e suas implicações nos avanços científicos tecnológicos, no processo de industrialização, monopólio, globalização e expansão do espaço geográfico.

Antropologia Cultural – Conceituação e Objetivos. Divisões. Campo Ciências a fins Antropologia Aplicada. Natureza da Cultura. A evolução humana desenvolvimento biológico do homem. Desenvolvimento cultural do homem. Relação tempo espaço dos aspectos da cultura humana: Fertilidade, propriedades e desigualdades, guerras, família, parentes, sexualidade, raças e etnias.

Climatologia Geral – Conceitos de Climatologia e meteorologia. A atmosfera. Elementos formadores do clima e fatores climáticos. Dinâmica geral da atmosfera. Massas de ar e massas de ar atuantes no Brasil. Classificações climáticas. A climatologia Geográfica. Climatologia aplicada.

Evolução do Pensamento Geográfico – Pressupostos da Geografia na Antiguidade e Idade Média. A estruturação da ciência geográfica e a gênese da Geografia Moderna. A Geografia clássica: escola alemã e francesa e a gênese da Geografia Moderna. Os paradigmas que marcaram a primeira metade do século XX. A crise da Geografia e seu processo de renovação. O desenvolvimento da geografia no Brasil.

Geomorfologia Geral – Introdução ao conhecimento científico. Estudo dos métodos científicos e técnicas de pesquisa para realização de trabalhos científicos. Normas para apresentação de documentos. Roteiro de elaboração de projeto de pesquisa em Geografia. Os fundamentos teóricos do método científico aplicado à Ciência Geográfica.

Métodos e Técnicas de Pesquisa em Geografia – Introdução ao conhecimento científico. Estudo dos métodos científicos e técnicas de pesquisa para realização de trabalhos científicos. Normas para apresentação de documentos. Roteiro de elaboração de projeto de pesquisa em Geografia. Os fundamentos teóricos do método científico aplicado à Ciência Geográfica.

Biogeografia – Conceituação de biogeografia como ciências. Organografia e fisiologia vegetal da vida e as regiões e territórios bio e zoogeográficos. História geológica da vida. Fatores que concorreram para distribuição das espécies. Associações vegetais e animais. O homem e sua ação sobre a fauna e a flora nas diversas regiões botânicas.

Geografia Econômica – A geografia Econômica e relações econômicas na sociedade contemporânea. A produção e reprodução das relações econômicas na sociedade capitalista. A divisão do trabalho na sociedade capitalista. Teorias da distribuição do processo econômico. Os processos de produção, de transformação da natureza e de organização do espaço.

Hidrogeografia – O Ciclo hidrológico na natureza. Abordagem do comportamento da água enquanto elemento da natureza, regido por leis próprias e específicas. A água como recurso, subordinado as regras que regem as relações de produção no âmbito da sociedade.

Organização Estrutura e Funcionamento do Ensino – Estudo da Estrutura da educação brasileira, com ênfase nos aspectos legais e constitucionais.Sistema Escolar. Sistema Escolar Brasileiro. Leis 4.024/61; 5.692/71 e 9.394/96. O Currículo do Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Profissionalizante e Ensino Supletivo. Fundamentos Legais do Currículo. Elaboração do Currículo do Ensino Médio. Regimento Escolar. Currículo no Paraná. Novas Propostas

Teoria da Região, Regionalização e Organização do Espaço – Conceito de Região uma abordagem histórica. O papel do Estado no processo de produção, reprodução do espaço. Desenvolvimento Desigual e combinado e a regionalização do mundo. O espaço geográfico.

Didática Aplicada ao Ensino de Geografia – Análise e avaliação crítica dos elementos teórico-metodológicos do processo de reconstrução do saber didático e do processo de ensino. Análise do processo de planejamento e avaliação do rendimento escolar. Concepções, procedimentos e instâncias de avaliação escolar. A questão do método dialético na prática pedagógica. Educação e o processo de ensino-aprendizagem: conceitos e premissas.

Geografia Regional do Brasil – Caracterização do quadro natural do Brasil. A organização regional do espaço brasileiro e a visão geográfica das desigualdades regionais. Região e a divisão inter-regional do trabalho. Produção, organização do espaço agrário regional. O Estado e as políticas Regionais.

Organização do Espaço Mundial – Organização espacial da sociedade mundial. Caracterização da Ásia, América, Europa, África e Oceania quanto às condições naturais e sócio econômicas. As relações políticas e socioculturais inter e intrapotências e as questões ecológicas. A configuração do espaço subdesenvolvido versus desenvolvidos.

Prática de Ensino I – Instrumentalização Estágio Supervisionado Vivência Escolar – Estágio supervisionado em ensino de geografia com orientação didático-pedagógica. Para Orientação didático-pedagógica para o estágio supervisionado do ensino da Geografia.  Regência escolar. Desenvolvimento e aplicação de cursos pilotos sobre ensino para professores. Elaboração do relatório final.

Psicologia da Educação – Dinâmica de classe e relacionamento professor-aluno. As bases do comportamento humano: aprendizagem-conceito, formas e avaliação. Estudo especial da infância e da adolescência. Implicações pedagógicas.

Cartografia II – Ensino e Representação Cartográfica – Origens, conceitos e desenvolvimento de trabalhos cartográficos no ensino de geografia. A técnica de cartografia e o aprendizado na escola. O uso de mapas e gráficos nos livros didáticos. Do abstrato ao concreto a construção da realidade. A importância do uso de Atlas no ensino de geografia.

Geografia Agrária – O caráter geográfico do fato agrário. Organização das atividades agrárias. A propriedade rural: estrutura fundiária, relações de produção e regime de exploração agrícola; produtividade. Questão Agrária e questão Agrícola. Os fatores da organização  agrária; condições naturais e históricas, infraestrutura  técnica e mercados.

Geografia da População – O conceito de população. Evolução dos estudos de geografia da população. Distribuição da população no tempo e no espaço. Análise da composição da população. Políticas demográficas. Problemas demográficos do Brasil e do mundo.

Geografia Urbana – Conceito e História do Espaço Urbano. A construção e a apropriação das cidades no processo histórico das formações sociais. O planejamento urbano e questões ambientais.

Prática de Ensino Ii–Instrumentalização Estágio Supervisionado Vivência Escolar – Estágio supervisionado em ensino de geografia com orientação teórico-metodológica para o entendimento do ensino/aprendizagem de Geografia no ensino fundamental e médio. Desenvolvimento de técnicas e métodos para ensinar geografia no ensino fundamental e médio. Regência de classe e trabalho interdisciplinar.  Atividades didáticas pedagógicas de geografia, através de situações concretas.

Geopolítica, Globalização, Território e Redes – Geopolítica, conceito e origens, Análise do mundo: A colonização e descolonização; as Revoluções industriais; a competição entre as nações e a balança de poder; as guerras mundiais; a bipolaridade no sistema internacional. O fim da Guerra Fria. A unimultipolaridade, a dinâmica comercial no mercado globalizado. Território e territorialidade e a construção do espaço. A formação de redes no território.

Informática Aplicada ao Ensino de Geografia – Informática básica. Softwares educacionais no ensino de geografia usos e aplicações. Sistema operacional e sistema de aplicativos: aplicações na área de geografia. Redes de comunicação de dados: redes locais, internet. A pesquisa geográfica e a internet.  O uso de computadores para aquisição, armazenamento, gerenciamento, analise e exibição de dados espaciais e/ou geográficos.

Planejamento Regional e Ambiental – Análise de diferentes concepções teóricas e práticas do planejamento e de planificação do território. O planejamento governamental e setorial. teorias e estratégias de desenvolvimento regional. O planejamento e  as desigualdades regionais.

Prática de Ensino III – Instrumentalização Estágio Supervisionado Vivência Escolar -Estágio supervisionado em ensino de geografia com orientação didático-pedagógica. Para Orientação didático-pedagógica para o estágio supervisionado do ensino da Geografia. Estágio supervisionado de atividades didático-pedagógicas, com orientação específica para o ensino da Geografia, através de atividades em situações concretas de prática de regência de classe.

Tópicos Especiais I – Conceitos, definições, seminários, geográficas, ambientais e/ou outras áreas  atualização de conteúdos e outros.

Educação Ambiental – As políticas públicas Ambientais. Os tratados internacionais e a Agenda 21. A utilização dos recursos naturais e o desenvolvimento sustentável. Geografia e a educação ambiental e o processo de interdisciplinaridade.

Geografia do Paraná – A evolução histórico-geográfica do Estado do Paraná. Análise e caracterização dos principais elementos espaciais da Geografia paranaense.

Prática de Ensino I–Instrumentalização Estágio Supervisionado Vivência Escolar – Estágio supervisionado em ensino de geografia com orientação didático-pedagógica. Para orientação didático-pedagógica para o estágio supervisionado do ensino da Geografia.  Regência escolar. Desenvolvimento e aplicação de cursos pilotos sobre ensino para professores. Elaboração do relatório final.

Produção Textual e o Ensino de Geografia – Estrutura Textual: formas de organização e implicações no processo de comunicação. Ideia central e secundária. Emprego de conjunções e pronomes relativos. Organização das ideias, núcleo, desenvolvimento e conclusão. Preparação de textos científicos. Produção de textos descritivos e dissertativos.

Sensoriamento Remoto – Fundamentação teórica do sensoriamento remoto. Análise e interpretação dos produtos obtidos pela teledetecção com aplicação na ciência geográfica e ensino.

Grade Curricular detalhada?

Primeiro Semestre I –

  • CARTOGRAFIA GERAL I – FUNDAMENTOS E APLICAÇÃO – 120 H
  • GEOLOGIA GERAL E AMBIENTAL – 120 H
  • INICIAÇÃO AOS ESTUDOS GEOGRÁFICOS – 120 H
  • SOCIOLOGIA GERAL- 80 H

Segundo Semestre II –

  • ANTROPOLOGIA CULTURAL – 80 H
  • CLIMATOLOGIA GERAL – 80 H
  • EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO GEOGRÁFICO – 80 H
  • GEOMORFOLOGÍA GERAL – 80 H
  • MÉTODOS E TÉCNICAS DE PESQUISA EM GEOGRAFIA – 80 H

Terceiro Semestre III –

  • BIOGEOGRAFIA – 80 H
  • GEOGRAFIA ECONÔMICA – 80 H
  • HIDROGEOGRAFIA – 80 H
  • ORGANIZAÇÃO ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO DO ENSINO – 80 H
  • TEORIA DA REGIÃO, REGIONALIZAÇÃO E ORGANIZAÇÃO DO ESPAÇO – 80 H

Quarto Semestre IV –

  • DIDÁTICA APLICADA AO ENSINO DE GEOGRAFIA – 40 H
  • GEOGRAFIA REGIONAL DO BRASIL – 120 H
  • ORGANIZAÇÃO DO ESPAÇO MUNDIAL – 120 H
  • PRÁTICA DE ENSINO I – INSTRUMENTALIZAÇÃO ESTÁGIO SUPERVISIONADO VIVÊNCIA ESCOLAR – 80 H
  • PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO – 80 H

Quinto Semestre  V –

  • CARTOGRAFIA II – ENSINO E REPRESENTAÇÃO CARTOGRÁFICA – 80 H
  • GEOGRAFIA AGRÁRIA – 80 H
  • GEOGRAFIA DA POPULAÇÃO – 80 H
  • GEOGRAFIA URBANA – 110 H
  • PRÁTICA DE ENSINO II–INSTRUMENTALIZAÇÃO ESTÁGIO SUPERVISIONADO VIVÊNCIA ESCOLAR – 120 H

Sexto Semestre VI –

  • GEOPOLÍTICA, GLOBALIZAÇÃO, TERRITÓRIO E REDES – 80 H
  • INFORMÁTICA APLICADA AO ENSINO DE GEOGRAFIA – 80 H
  • PLANEJAMENTO REGIONAL E AMBIENTAL – 120 H
  • PRÁTICA DE ENSINO III–INSTRUMENTALIZAÇÃO ESTÁGIO SUPERVISIONADO VIVÊNCIA ESCOLAR – 120 H
  • TÓPICOS ESPECIAIS I – 40 H

Sétimo Semestre VII –

  • EDUCAÇÃO AMBIENTAL – 80 H
  • GEOGRAFIA DO PARANÁ – 80 H
  • PRÁTICA DE ENSINO I– INSTRUMENTALIZAÇÃO ESTÁGIO SUPERVISIONADO VIVÊNCIA ESCOLAR – 80 H
  • PRODUÇÃO TEXTUAL E O ENSINO DE GEOGRAFIA – 80 H
  • SENSORIAMENTO REMOTO – 120 H

Qual o conselho de classe da categoria?

CREA (Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia) –  http://www.confea.org.br/

Como cadastrar e filiar-se junto ao conselho de classe ao final do curso Geografia?

Relação de Documentos para inscrição no CREA – Conselho Regional de Engenharia , Arquitetura

Diploma ou Certificado;

Certidão de Nascimento ou Casamento (com averbação de separação, divórcio, óbito, quando houver);

CPF e RG (caso não possua RG, também será aceito a Carteira de Motorista ou Carteira de Trabalho);

Título de Eleitor e comprovante da última votação eleitoral e/ou Certidão de quitação eleitoral emitida pela Justiça Eleitoral (podendo ser retirada via internet – http://www.tse.jus.br);

Certificado de Reservista (para os homens acima de 18 anos até os 45 anos);

2 (duas) fotos 3/4 (padrão para documento oficial, recente, colorida, sem data e com fundo branco);

Comprovante de Residência, preferencialmente em nome do profissional, emitido nos últimos seis meses.